truque de mestre

X MEN

X MEN

terça-feira, 18 de novembro de 2008

VICKY CRISTINA BARCELONA

Woody Allen está de volta com uma comédia apimentada como há muito tempo não se vê. Contado de forma narrativa na maior parte do tempo, apesar de seus exageros, o filme é uma homenagem a Almodóvar em sua composição.

A história central do filme se passa em Barcelona, e conta as aventuras sexuais de duas amigas: Vicky, vivida pela atriz Rebecca Hall, e Cristina, interpretada por Scarlett Johansson, atual queridinha de Woody Allen.

Fazem parte do núcleo central dois personagens excêntricos: Juan Antonio, o pintor vivido por Javier Bardem e sua ex-mulher Maria Elena, interpretada por Penélope Cruz, que formam o principal triângulo amoroso do filme, junto à Scarlett Johansson.

A entrada da personagem de Penélope Cruz rouba a cena como à ex-mulher ciumenta e explosiva e garante boas risadas com sua personagem desequilibrada.

O jogo de câmera no diálogo em que Juan Antonio seduz Vicky, envolve o espectador de forma encantadora.

Allen se reinventa em Barcelona, recriando a sua “Manhattan” na sua geografia amorosa com uma dose maior de auto-ironia com longos diálogos de análise em um texto inteligente e no tom do cineasta, como faz em todos os filmes. Trilha sonora típica dos filmes de Woody Allen.

Escrito e dirigido pelo ganhador de 3 Oscars, VICKY CRISTINA BARCELONA foi o quarto filme realizado na Europa, por Woody Allen.