truque de mestre

X MEN

X MEN

quinta-feira, 13 de maio de 2010

O mais novo filme de Tim Burton, baseado no clássico "Alice no País das Maravilhas" escrito por Lewis Carroll acontece 9 anos após a história original, com Alice já com 19 anos.

Desta vez Tim Burton inova junto com a tecnologia 3D através de uma história mundialmente conhecida. Alice in Wonderland, é incrivelmente bem feito, à começar pelo elenco muito bem escolhido!

Feito praticamente todo em chroma-key (Recurso do uso de um fundo verde que é utilizado para deixar os personagens posteriormente em um fundo transparente a aplicar sobre outras imagens) conta com um mix dos personagens do segundo livro "Alice no País do Espelho”.

Aos 19 anos, Alice volta ao País das Maravilhas, fugindo de um casamento arranjado. No mundo mágico, ela reencontra os personagens estranhos com quem conviveu anos atrás, mas não lembra. Durante o desenrolar do filme, Alice faz escolhas e torna-se a heroína do filme e de sua vida.

Os figurinos, a maquiagem, os cenários, as composições foram escolhidos detalhadamente e brilham em cena junto com todo elenco!

John Depp conseguiu se desvencilhar do pirata Jack Sparrow de vez, em mais uma primorosa atuação como o Chapeleiro Maluco!

O filme começou a ser rodado em maio de 2008 e estreou dia 5 de março de 2010 nos Estados Unidos. No Brasil, a data de estreia foi no dia 21 de abril, mas posteriormente foi alterada para 23 do mesmo mês, com a explicação que o filme de Tim Burton terá um alcance de um público maior, chegando em mais salas de cinema.

O filme tem no elenco Mia Wasikowska como Alice, Johnny Depp como o Chapeleiro Maluco, Helena Bonham Carter como a Rainha Vermelha e Anne Hathaway como a Rainha Branca.

A trilha sonora instrumental do filme foi composta pelo Danny Elfman que já contribuiu diversas vezes com o diretor Tim Burton. Já a trilha cantada contou com a participação de diversos cantores e bandas, incluindo Robert Smith, Tokio Hotel, Avril Lavigne e All Time Low, 3OH!3. A música-tema do longa é a canção "Alice", da cantora Avril Lavigne.

Na primeira semana de lançamento nos EUA o longa arrecadou mais de R$ 232,6 milhões em sua estréia. O filme também ganhou o título de "maior estreia em 3D", superando a estreia do até então campeão global em bilheterias de todos os tempos, Avatar com seus R$ 154 milhões no primeiro fim de semana em cartaz.