truque de mestre

X MEN

X MEN

quarta-feira, 9 de maio de 2012




Como começar a escrever sobre "Sete Dias Com Marilyn" sem fazer uma crônica de mim mesma. Colin sou eu.  Cinema é o que nos move para viver!

Determinado a realizar seus sonhos nessa indústria que tanto nos engole (de várias formas), Colin, é um corajoso jovem que busca a realização de um sonho que vem tarde, mas veio.

Vulnerabilidade, Sutileza e delicadeza fazem parte dessa obra durante seus 99 minutos. Seja na direção, na fotografia ou no olhar dos atores, nos sentimos completamente  envolvidos nessa belíssima obra!

Não é fácil falar de Marylin Monroe, quanto mais fazer um filme sobre ela. Considerada uma das mulheres mais belas do cinema, Ms. Monroe nos encanta mais uma vez, mas de uma maneira bem peculiar e diferente do que estamos acostumados a ver e ouvir por ai.

Pela primeira vez, a imagem de diva é desmitificada. É um filme sobre inseguranças acima de tudo. O diretor do filme dentro do filme é completamente inseguro. Percebemos essa sua característica enquanto ele pinta as sobrancelhas e fala que depende completamente de Marilyn para o seu sucesso.

"Sete Dias com Marilyn" não é um filme qualquer! Sua composição depende completamente da atuação de Michelle Williams e Eddie Redmayne, eles não só atuam como também se comunicam através do olhar. 

Não é fácil transmitir tanta vulnerabilidade apenas através de um olhar, Michelle está soberba! Tem momentos que vejo Marilyn ali!

"Sete dias com Marilyn" mostra um outro lado dessa mulher forte e destemida, mas que precisa de cuidado, amor e carinho para sobreviver em um mundo que a engolia. Definitivamente, não deve ser fácil ser uma diva!

Não deixe de ver esta obra-prima!