truque de mestre

X MEN

X MEN

segunda-feira, 15 de outubro de 2012


Aconteceu hoje à noite, dia 15 de Outubro, o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro de 2012. O homenageado do ano foi o cineasta Cacá Diegues.

Recordista em indicações o filme “O palhaço” levou o troféu Grande Otelo nas categorias: Melhor Roteiro, Melhor figurino, Maquiagem, Direção de Arte, Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Fotografia, melhor montagem e Direção.

O prêmio de Melhor roteiro adaptado foi para “Bruna Surfistinha”, Melhor Trilha Sonora para o documentário “Rock Brasília”.  “O homem do Futuro” levou o prêmio de Melhor Som e Melhor Efeito visual.

Meia Noite em Paris” foi premiado na categoria Longa-metragem estrangeiro. "Lixo Extraordinário” levou nas categorias melhor montagem e longa-metragem documentário.

Na categoria curta metragem:  “Pra eu dormir tranquilo” ganhou em ficção, “A verdadeira historia da bailarina de vermelho” em documentário e “O céu no andar de baixo” em Animação.

O melhor longa infantil foi para “Uma professora muito Maluquinha”. O longa de animação “Brasil Animado 3D” recebeu uma menção honrosa.

O Premio Preservação foi em homenagem à Gustavo Dahl.

Na categoria melhor atriz coadjuvante foi para Drica Moraes e melhor ator coadjuvante para Paulo José.

O voto popular elegeu a animação RIO como melhor longa metragem estrangeiro, “Quebrando o Tabu” como longa metragem documentário e “O Palhaço” na categoria melhor longa metragem de ficção. 


Os prêmios mais esperados da noite foram para Debora Secco(melhor atriz), Selton Mello (melhor ator) e Melhor longa ficção para o filme “O Palhaço”.