truque de mestre

X MEN

X MEN

quarta-feira, 9 de abril de 2014

"PELO MALO" ESTREIA DIA 17 DE ABRIL


Filme venezuelano, dirigido por Mariana Rondón, foi vencedor da Concha de Ouro no Festival de San Sebastian – a diretora vem ao Brasil para o lançamento do filme

PELO MALO, estreia dia 17 de abril, o filme ganhou a Concha de Ouro no Festival de San Sebastian, e conta história de Junior, um menino de nove anos que tem “cabelo ruim”. Ele quer alisá-lo para sua foto no álbum de formatura para ficar parecido com um cantor famoso. Isso o faz entrar em conflito com a mãe, Marta. Quanto mais Junior tenta melhorar o visual, buscando o amor da mãe, mais ela o rejeita. Até que ele se vê obrigado a tomar uma decisão dolorosa.

PELO MALO é a história íntima de iniciação à vida de uma criança de nove anos. Uma criança que ainda brinca, mas que brinca com o horror cotidiano, o filme foi exibido em diversos festivais, onde recebeu dezenas de prêmios, no Brasil, esteve na programação da última Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

A diretora Mariana Rondón, virá ao Brasil para o lançamento do filme, e para mostrar sua nova instalação interativa, inspirada no filme e intitulada, SUPERBLOQUEuma reflexão lúdica sobre o espaço social e o espaço íntimo. O visitante entra na sala escura e se encontra de frente para a projeção de um grande edifício de Caracas. São 560 apartamentos com pequenas varandas que criam um mosaico infinito. Com uma folha de papel que serve de tela, o espectador deve encaixar no espaço a projeção dos detalhes dessas janelas. Ele também se apropria do som, já que pode escutar com total nitidez, quase como um sussurro em seus ouvidos, as conversas cotidianas. O voyeur se rende ao segredo do outro. Solidão, silêncio, amizade, família, sexo. O visitante decide o que ver. Ele tem “em suas mãos” o poder de entrar na vida do outro, na intimidade desses habitantes.

SUPERBLOQUE é também uma reflexão sobre esses conjuntos habitacionais emblemáticos da modernidade latino-americana - as cidades utópicas - herança de Le Corbusier. A obra será apresentada ao público do Rio de Janeiro e de São Paulo, no momento da estreia do filme. 

MARIANA RONDÓN – Diretora

Diretora, roteirista e artista visual. Nascida em Barquisimeto, Venezuela. Estudou Animação em Paris, e se formou na primeira geração em cinema na Escola EICTV, em Cuba. Seu curta-metragem “Calle 22” recebeu 22 prêmios internacionais. Seu primeiro longa, “A LA MEDIA NOCHE Y MEDIA” (2000), co-dirigido com Marité Ugás, recebeu 5 prêmios de melhor filme estreante e participou de mais de 40festivais internacionais. Seu último filme “POSTALES DE LENINGRADO” (2007) recebeu 23 prêmios internacionais, como o Grand Prixem Biarritz e Prêmio de Revelação do Júri na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

Em Artes Plásticas, sua instalação robótica “LLEGASTE CON LA BRISA” (Fundación Telefónica Award) tem sido exibido em Caracas, Cidade do México, Puebla, Gijón, Lima, Santiago e Pequim como parte do Projeto da Olimpíada Cultural de 2008. Ao filmar PELO MALO, seu terceiro longa-metragem, concebeu a instalação interativa de vídeo-arte SUPERBLOQUE.

PELO MALO
Dirigido por Mariana Rondón
Com Samantha Castillo e Samuel Lange Zambrano.
País: Venezuela
Ano: 2013
Duração: 93min
Gênero: Drama
Distribuição: Esfera Filmes / Vitrine Filmes