truque de mestre

X MEN

X MEN

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

SHAUN, O CARNEIRO POR BRUNO DE SOUZA



Os estúdios Ardman, responsável por “Fuga das Galinhas” e “Wallace e Gromit: A Batalha dos Vegetais”, ao lado do estúdio Laika (“Coraline” e “Boxtrolls”) são dos poucos estúdios em atividade que utilizam quase exclusivamente de animação da técnica de Stop Motion. Nessa técnica artesanal são usado moldes de diversos materiais maleáveis , a maioria das vezes massinha, que compõem o personagem e depois são fotografados para cada movimento, composto de cada segundo 24 frames.

A Ardman é atualmente o estúdio mais bem sucedido com animações stop motion que brindou o cinema com excelentes animações capazes de agradar ambos os públicos, até realizar sua primeira tentativa com animação em 3D  no mediano “Por água abaixo” que foi um fracasso, se seguindo com o ótimo “Operação Presente” , e retornando para o estilo de animação que tornou o estúdio reconhecido mundialmente, com “Piratas Pirados”. Infelizmente o péssimo longa foi um fracasso, não conseguindo dialogar bem com as crianças com uma trama mais adulta e confusa, mas ao mesmo tempo não conseguiu se comunicar com o público adulto.

Decidindo então retornar as suas origens, a Ardman resolve adaptar “ Shaun, o carneiro”, uma das suas séries animadas para televisão de grande sucesso para o cinema, e consegue fazer isso com grande êxito se tornando talvez o melhor filme do estúdio.

Assim como na série animada, a Ardman novamente aposta em uma narrativa sem diálogos, o que universaliza a trama e o filme. Além do visual colorido e do carisma dos já conhecidos personagens,  é usado com sabedoria o humor físico em um trama simples e objetiva muito bem desenvolvida.

Shaun é um carneiro que, um belo dia, resolve tirar um dia de folga com os outros animais, para sair da rotina da fazenda. Só que, acidentalmente, ele acaba mandando o carinhoso fazendeiro para a cidade grande, onde o homem perde a memória. Os animais, então, comandados por Shaun, vão aprontar altas confusões no caos urbano para trazer o dono de volta para casa.

É bem notável que a animação possui fortes referências de uma trupe muito conhecida da TV e do Cinema principalmente dos anos 80, os Muppets, personagens em fantoches criados por Jim Henson que até hoje recebem adaptações. No filme “Muppets conquistam Nova York” a trama muito se assemelha com a de “Shaun, o carneiro” que após o sumiço de Caco, o sapo/Kermit seus amigos o procuram, mas nem desconfiam que por um acidente ele perdeu a memoria e agora se passa por outra pessoa e com uma profissão bem sucedida.

Não apenas a trama é muito semelhante, mas como também a dinâmica dos personagens e o tipo de humor.Na verdade, “Shaun, o carneiro” preserva bastante a atmosfera do conteúdo infantil de décadas atrás com sua ingenuidade e graça, com mensagens para o público infantil.

“Shaun, o carneiro” foge da pretensão da maioria das animações atuais se destacando pela simplicidade e diversão garantida sendo um dos melhores filmes do ano e merecendo uma indicação ao Oscar de melhor animação. Simplesmente imperdível.