truque de mestre

X MEN

X MEN

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

CAROL POR ALÊ SHCOLNIK


Baseado no livro “The Price of Salt” de Patricia Highsmith,  o filme conta sobre o romance entre uma jovem de dezenove anos com uma mulher casada, que vive um casamento de aparências, na década de 50.

O drama dirigido por Todd Haynes (“Não estou lá”) segue a temática da sexualidade e da moralidade, abordados pelos personagens contidos e muito bem interpretados por Rooney Mara e Cate Blanchett (também produtora do filme). As atuações são de uma sutileza e delicadeza absurda, assim como a direção e o roteiro. Tudo é milimetricamente encaixado!

A Direção de Arte (muito elegante por sinal!), junto com a Fotografia e a Trilha Sonora conseguem demonstrar os contrastes da época, onde o preconceito dominava.

Lindo e emocionante, “CAROL” fala da questão do padrão de comportamento sexual (se é que isso existe!), onde o marido adiciona uma cláusula de moralidade no processo de divórcio, assim desmoralizando o papel de mãe, o que ela faz muito bem. Mãe zelosa, carinhosa e atenciosa, Carol só quer ter sua filha por perto.

Líder de indicações no prêmio BAFTA 2016 (o Oscar britânico), o filme recebeu 9 indicações, nas categorias de melhor filme, direção, melhor atriz (Cate Blanchett), atriz coadjuvante (Rooney Mara), maquiagem, design de produção, fotografia, figurino e roteiro adaptado.

Não percam!